Redação

Combate ao Racismo

Pesquisar

Pesquisar

  • 01

    AGO

    2016

    Sociedade Civil segue mobilizada pela transformação das escolas públicas

    por Redação em 01/08/2016

    A iniciativa de fomento a políticas públicas por Inovação e Criatividade na Educação Básica do Brasil, implementada por Helena Singer na gestão do professor e Ex-Ministro da Educação Renato Janine Ribeiro,  segue com grande apoio de organizações da sociedade civil.

    Em reunião realizada no Rio de Janeiro, no Departamento Nacional do SESC, a já formada Rede de Inovação e Criatividade contou com a participação de 12 lideranças da educação de diferentes partes do Brasil para debater o estágio atual da iniciativa e a proposta do SESC em contribuir para sua articulação e continuidade.

    Estiveram presentes na reunião; Carlos Artexes, Helena Singer, Paulo de Camargo, Ana Cristina Guedes, Andrea de la Reza, Anna Penido Monteiro, Cláudia Marcia Barros, Claudia Passos, Denis Plapler, Fernando Dysarz, Gabriela Guth, Glauce Gouveia, Inês Paz Senra, Jane Muniz, Jaqueline Moll, Jorge Telles, José Pacheco, Lucineide Pinheiro, Márcia Pina, Marcia Rodrigues, Vera Santana, Sonia Goulart, Ruth Silva, Ronaldo Neves, Natacha Gonçalves da Costa, Maria Alice Souza, Maria Antonia Goulart, Mario Saladini, Mauro Rego e Mônica Castro.

    Em 2015, através de uma Chamada Pública, o Ministério da Educação reconheceu como Inovadoras e Criativas 178 organizações educativas, escolares e não escolares, dentre 683 que se candidataram. Os critérios da Chamada Pública foram desenvolvidos por um Grupo de Trabalho Nacional em conjunto com 8 Grupos de Trabalho regionais das diferentes partes do país.

    link para o Mapa:

    http://simec.mec.gov.br/educriativa/mapa_questionario.php

    Para o professor José Pacheco, um dos responsáveis por projetos inovadores como a Escola da Ponte em Portugal e o Projeto Âncora na cidade de Cotia, em São Paulo “escola pública é aquela que a todos acolhe, e a cada qual da condições de ser sábio e feliz, independente de ser de origem particular, estatal, federal, municipal ou estadual”. Para Pacheco o ponto de partida na definição do conceito de Inovação diz respeito a uma questão ética. Pois, se as crianças não aprendem do modo como a escola está estruturada hoje é uma obrigação buscar outras formas que otimizem o aprendizado dos estudantes.

    Ainda na mesma reunião, Natacha Gonçalves da Costa, Diretora Executiva do Aprendiz, colocou que um dos problemas da escola pública está na forma como foi desenhada, pois não dialoga com o território.

    Afim de se integrar a iniciativa o Sesc, que conta com mais de 200 escolas espalhadas pelo Brasil, lançou uma chamada para inovação nas suas diversas iniciativas de educação.

    A partir dos links abaixo é possível assistir aos vídeos que resumem o que foi a reunião do GT Nacional:

     

    Matéria

    http://sescdndwn.netpoint.com.br/rede_inovacao/materia_rede_inovacao.mp4

     

    Reunião

    http://sescdndwn.netpoint.com.br/rede_inovacao/reuniao_rede_inovacao.mp4

     

    Leia mais sobre o assunto:

    http://www.portaldoeducador.org/educadores/detalhe/denis-plapler/pela-primeira-vez-na-historia-mec-reconhece-outras-formas-de-organizar-a-escola

     

     

     

     

    ...

    Redação